Resenha: Além do olhar


Oi gente, tudo bem? Tudo bem também.
Continuando na pegada dos nacionais, hoje vou falar de uma autora muito comentada nas redes sociais e muito bem avaliada na Amazon.

Título: Além do olhar
Autora: Nana Pauvolih
Sinopse:
O talentoso violoncelista Ramon Martinez é vítima de uma tragédia que o deixa paraplégico aos 28 anos de idade. 3 anos depois ele ainda luta para se adaptar à sua nova realidade, enfrentando muita coisa e felizmente contando com o apoio de sua família. É quando conhece a famosa atriz Marcella Galvão, no auge do seu sucesso, linda, cheia de admiradores, forte e determinada. A atração entre eles é imediata, mas para se concretizar enfrenta um mundo de obstáculos. Preconceito, amor, paixão, devoção, luta, descoberta e muitas surpresas marcam este novo romance de Nana Pauvolih.








Minha primeira impressão foi de estar lendo um texto de um poeta. Uma narrativa muito romântica que parecia ter sido escrita há tempos atrás, meio cantado, meloso demais. Depois de alguns capítulos, essa impressão se dissipou. Entendi que essa sensação era para mostrar como os personagens eram "antes".
Segunda impressão: autoajuda demais. Entendo que quando um assunto tão delicado é abordado, alguma utilidade pública deve ter. Mas achei Marcella engajada demais e Ramon sabichão demais. Se as informações fossem ditas como um pensamento do personagem, eu ficaria mais confortável. Mas através de diálogos entre eles, pareceu-me meio forçado por conta de formalidade demais. Pareceu-me uma palestra, uma orientação de terapeuta.
Apesar das impressões, adorei a personalidade dos personagens. Marcella e Ramón não poderiam ser mais parecidos, e por mais que isso poderia azedar o romance, não foi o que aconteceu.

-------------------------------------------ALERTA DE SPOILER--------------------------------------------------
Ramón teve três anos para lidar com sua tragédia, e bastou Marcella entrar em sua vida para vê-la com outros olhos. Achei rápido? Sim, achei. Mas a forma como o relacionamento foi construído e os pontos de vista colocados em foco, dá pra entender porque foi avassalador.

Problema é o que não falta na vida de Ramón e Marcella. Há os problemas individuais e os que passam a ter como casal. E é estressante! Sem contar o preconceito e a falta de acessibilidade que Ramón enfrentou.
A vida não dá uma folga para o casal, mas a família da ambos tem papel fundamental no enrolar das coisas. Tanto para o bem como para o mal.
Apesar das primeiras impressões, o livro é bem escrito, não deixa nenhum detalhe faltando e as cenas hot são hot mesmo! As cenas de fisioterapia são demais de tão ricas em detalhes.
Li, gostei, recomendo, mas não me senti abraçada pela causa como eu gostaria de ser.

Beijo
Boa leitura.

Nota:



0 comentários:

Deixe seu comentário