Resenha: Diário de uma paixão

Olá, como estão? Eu estou bem, obrigada, rs.

Bom, já que estamos no clima de Nicholas Sparks, proposto pela Ana, resolvi fazer a resenha deste livro que eu li há alguns meses e ainda estava reverberando por aqui. Espero que apreciem. :)

Título: Diário de uma paixão
Autor: Nicholas Sparks
Sinopse:
Duke é um homem simples com uma vida modesta, mas amou alguém de todo o coração e, para ele, isso sempre foi suficiente. Na clínica de repouso em que vive, Duke se dedica a ler poemas para os outros pacientes, mas, para uma senhora que sofre de Alzheimer - e somente para ela -, lê um diário especial à espera de que um milagre aconteça.
Nele está escrita a emocionante história de Allie Nelson e Noah Calhoun, dois jovens que descobrem o verdadeiro significado da paixão, mas são separados por uma série de obstáculos e mal-entendidos.
Muitos anos depois, a vida dá conta de uni-los novamente e a paixão volta com todo o seu fulgor. Já noiva de um bem-sucedido advogado, Allie precisa optar entre manter o rumo estável de sua vida e se entregar ao verdadeiro amor, correndo todos os riscos.
Com a leitura do diário, Duke recorda a própria vida e, às vezes, a senhora consegue romper as barreiras da doença e retomar sua antiga identidade alegre e vivaz. E, sempre que isso acontece, Duke tem a certeza de que o amor relatado nas páginas do diário é a força mais poderosa do Universo.
"Diário de uma paixão" foi o primeiro romance publicado por Nicholas Sparks e é uma prova do talento que o consagrou por todo o mundo.
Entremeando as histórias de Allie, Noah e Duke, ele construiu um conto romântico que se tornou um verdadeiro clássico.

Há muito tempo eu tinha desejo de ler esta livro, porém, não encontrava em lugar algum. Até que, num belo dia, passeando em uma livraria, achei esta nova edição - amém! E agora eu asseguro que toda a espera valeu a pena.


Antes deste, havia lido apenas um livro do autor e não sabia bem o que esperar. Por este motivo, iniciei a leitura sem muita expectativa, mesmo que um pouco ansiosa devido a toda a fama que vem na bagagem.
Eu amo romances e me apaixonei por esse. Me apaixonei pela essência dos personagens e por tudo o quê transmitem.

Allie e Noah são de mundos diferentes: Ela é de família rica, ele é humilde; E há muitos impedimentos no caminho deles, principalmente os pais dela. A princípio, achei a Allie muito mimada e convencida, e não fui muito com a cara dela. Até que eu a entendi e passei a torcer por ela.

Após um verão intenso, uma paixão avassaladora e tudo o que teria para dar errado, eles se afastam e cada um segue seu caminho. Ainda que a vida persista em mantê-los afastados, ambos são teimosos e voltam a se encontrar. E cabe a Allie tomar uma decisão que não afeta apenas a sua vida.

É um romance surpreendente a cada capítulo e foi devorado em poucas horas. Pouquíssimos livros me fizeram chorar, e "diário de uma paixão" foi um deles. O tempo inteiro foi possível sentir as emoções dos personagens, assim como foi impossível não torcer para que resolvessem seus conflitos internos para seguirem o caminho que seus corações desejavam.
— Você é a resposta para cada oração que eu fiz. Você é uma canção, um sonho, um sussurro, e não sei como pude viver sem você esse tempo todo. Eu amo você, Allie, mais do que possa imaginar. Sempre amei e sempre vou amar.
É o tipo de livro que a gente fecha e diz "uau" (diz mesmo, não apenas pensa). Porque nele está o tipo de amor que todo mundo deseja. O amor que luta e que vai atrás, mesmo que tudo ao seu redor diga que não vale o esforço.

Nota:




E é o livro que eu lerei mais dez vezes e vou dizer para todo mundo ler e aprender a amar que nem a Allie e o Noah. 
Nos momentos de tristeza e pesar, vou abraçá-la e embalá-la e transformar o seu pesar em meu...

Boa leitura!
Beijos,
0 comentários via Blogger
comentários via Facebook

Nenhum comentário