Resenha: Disgrace

Oi gente, tudo bem? Aqui tudo bem também.
Essa mulher... senhor. Essa sabe escrever um bom drama. Para quem leu a Série Elementos sabe do que estou falando. Se não sabe, vai saber ao ler esse livro.
Particularmente, achei esse livro muito delicado justamente por se tratar de um drama tão real e comum, que a sinopse não diz. Não é o tipo de drama que só vemos nos filmes ou em casos raros, vemos no dia-a-dia, podemos ter passado por isso ou termos alguém próximo que passou.
Vamos conhecer?


Título: Disgrace
Autora: Brittainy C. Cherry
Sinopse: (tradução livre)
Todos os dias eu rezava para o meu marido me amar novamente.
Depois de quinze anos juntos, ele foi embora, para os braços de outra.
Eu não sabia como lidar com isso. Não sabia mais o meu valor. Eu não sabia existir sem ele do meu lado.
Tudo o que eu queria era que ele voltasse para mim.
Então, Jackson Emery apareceu.
Ele deveria ser uma distração para a minha cabeça. Um caso de verão. Um sopro de confiança para o meu coração machucado.
Éramos perfeitos um para o outro, porque ambos sabíamos que não iria durar.
Jackson não acreditava em compromisso, e eu não acreditava mais no amor. Ele era muito fechado para mim e eu muito danificada para ele.
Tudo estava bem, até que uma noite o meu coração pulou uma batida.
Eu não esparava que ele me fizesse rir. Que me fizesse pensar. Que sumisse com a minha tristeza.
Quando nosso tempo acabou, meu coração não sabia como se afastar.
Todos os dias eu rezava para o meu marido me amar de novo, ainda assim, aos poucos, minhas rezas começaram a mudar para o homem que não era certo para mim.
Eu rezava por mais um sorriso, mais um beijo, mais uma risada, mais um toque...
Eu rezei para que ele fosse meu.
Mesmo sabendo que o coração dele não era destinado a amar.


Grace e Jackson são duas pessoas quebradas, traídas de várias maneiras e que encontraram um no outro o conforto que tanto precisavam. Usaram o corpo do outro, o espaço pessoal, o tempo e atenção para tentar esquecer a dor que tanto o sufocavam.
Mas Grace e Jackson não eram apenas uma distração um para o outro como pensavam, porque quando duas pessoas começam a conviver e a se conhecer melhor, o que era um simples arranjo pode virar amizade, e até algo mais.
Grace foi criada na igreja, seu pai é pastor na única da cidade. Voltou para sua cidade natal depois da separação, e como toda cidade pequena do mundo, fictícia ou não, não conseguiu manter seus segredos. Encontrou julgamento de pessoas que não imaginava e a maldade das pessoas ultrapassa limites.
Jackson viveu a vida toda na cidadezinha, preso às lembranças do pai e ao fardo de ter que cuidar dele. Apesar de nunca ter cogitado sair da cidade, nunca se sentiu parte da comunidade, nem mesmo na infância. E isso só contribuiu para a fama atual.
Nem preciso citar o que acontece porque é clichê assim. Mas o ponto alto do livro é como a autora lidou com os dramas de cada personagem. A sensibilidade ao falar de assuntos delicados e narrar a dor de cada é única. Os segredos são complexos e o processo de aceitação é bem difícil.
Além dos personagens principais, alguns segredos sórdidos de moradores dessa cidadezinha são revelados, e máscaras caem. Dá a impressão que a cidade inteira vive fora da linha, mas não conseguem não julgar o erro dos outros.
Como a cidade gira em torno da igreja e a palavra do pastor é tida como lei, fala-se muito de religião, principalmente de fé. Achei exagerado por conta dos outros livros da autora, mas no contexto faz total sentido. Fiquei bem put* com as pessoas mais próximas de Grace e Jackson, e você vai entender quando ler esse livro. As pessoas que mais deveriam apoiar são as que mais machucam.
O final... rápido demais, simplificado demais. Toda a resolução da trama se dá pela ação de uma pessoa, e que a julgar pela dificuldade desse personagem durante todo o livro, foi pouco explorado, como se não tivesse toda a importância que deveria ter.
No geral, gostei do livro, da leitura fluida, das cenas quentes e românticas e a dinâmica entre os personagens. O drama, por ser real, torna a trama interessante e muito sofrida, nos deixando ansiosos pelo final.

Nota:










Beijo

Boa leitura!



0 comentários via Blogger
comentários via Facebook

Nenhum comentário