Resenha: Sebastian

Olá gente, como estão? Por aqui tudo certo.

Durante o mês de outubro acabei lendo livros de gêneros variados, e nada melhor para iniciar a primeira semana do mês de novembro que uma resenha de um romance nada água com açúcar.

Vem comigo conhecer!

Título: Sebastian
Autora: Bella Prudencio
Sinopse: 
Solveig resolve passar um ano na Romênia com as tias, mas um acidente acaba matando-as e mudando o seu plano, ela vai morar com o primo de terceiro grau, Sebastian, um herdeiro sexy, levemente cafajeste, mas ao mesmo tempo completamente romântico e apaixonante.



Não é novidade para vocês meu amor pelo romance, e esse é mais um livro que li com uma imensa expectativa para que no final o casal fosse feliz para sempre rs.



Solveig é uma jovem que buscava uma nova experiência e iria passar um ano com suas tias na cidade de Bucareste, capital da Romênia. Devido a um incêndio, suas tias faleceram e, com isso, seu sonho da viagem começava a desaparecer. Como nem tudo estava perdido, um primo distante ofereceu estadia a Sol em seu apartamento, para que ela não precisasse desistir da viagem.

Sebastian, seu primo, era um homem elegante, com seus olhos azuis, cabelos escuros e barba por fazer, e com apenas um quarto disponível em seu apartamento... Passar o ano fora do país parecia uma excelente experiência, mas dividir o quarto com aquele homem, era uma decisão aparentemente ainda melhor.

Sol seguiu para Bucareste com sua bagagem rosa nada discreta e encontrou Sebastian a esperando no aeroporto, segurando uma placa com seu apelido. Seu primo foi receptivo e carinhoso, o que fez com que ela desmanchasse por ele logo no carro enquanto seguiam para o apartamento.

“Ele passou carinhosamente as costas do dedo indicador sobre meu rosto e  bagunçou meus cabelos com a mão numa maneira carinhosa antes de correr a mão para dar a marcha e sair de dentro do estacionamento para seguir a rua.”

Para se conhecerem melhor, Sebastian decidiu tirar uma semana de folga de sua empresa para que Sol pudesse conhecer a cidade e não se sentisse sozinha. Já na primeira noite, eles saíram para jantar e foi impossível que Sol não se apaixonasse ainda mais pelo seu primo.

“Senti aquele calor tomar conta do meu corpo novamente e todos aqueles pensamentos negativos se converterem em pensamentos positivos.”

Já dá para perceber que a história será um romance proibido, né? Sol narra a história com uma riqueza muito grande de detalhes e de dúvidas sobre seus sentimentos, e sobre os sentimentos do primo, afinal, ele é o típico garanhão da cidade.

Agradou-me bastante a forma de narrar os fatos utilizados pela autora, a história foi bem construída, já os personagens não me atraíram tanto. Por diversas vezes odiei a atitude dos dois e julgava que ambos se mereciam, pois não sabiam controlar suas emoções e sentimentos, e acabavam “pisando na jaca”. Ela era uma jovem ainda irresponsável, e ele um adulto que tinha medo de relacionamentos,

Li o livro pelo celular, o que acaba nos impedindo de ter a emoção de passar as páginas, e isso ainda me decepciona muito, pois sou amante de livros físicos. Na versão digital pude perceber que há alguns erros de ortografia, pontuação e acentuação, mas creio que na próxima edição esses problemas serão resolvidos.

A história é interessante e me emocionei em alguns momentos, pensando em qual poderia ser o desfecho do livro. E, o final me fez apaixonar. Para muitos, o final pode ser previsível, mas como aconteceu o desenrolar dos fatos, me fez amar!

Espero que apreciem essa história assim como eu. O livro está disponível para compra na Amazon, caso tenham interesse.

Nota:





Apreciem a leitura,
Até a próxima.


0 comentários via Blogger
comentários via Facebook

Nenhum comentário