Resenha: Dois a Dois

Boa noite pessoinhas. Como est√£o? Eu estou bem. ūüėĄ

Eu vivo uma constante batalha interna com meus sentimentos em relação ao Sr. Nicholas Sparks. Na maior parte dos seus livros, que tive o imenso prazer de ler, eu o amo logo nos primeiros capítulos e em meados do livro, meu sentimento muda... eu passo a odiá-lo porque ele simplesmente vai matar algum dos personagens ou colocá-los cara a cara com uma doença terminal. E, no fim, eu o amo de novo. Pois, ele me emociona, comove e me faz refletir.

O bebezinho de hoje não é um lançamento recente do titio Nick, maaas como sempre eu estou atrasada nas leituras, antes tarde do que nunca, né?

Título: Dois a Dois
Autor: Nicholas Sparks
Sinopse: 
Com uma carreira bem-sucedida, uma linda esposa e uma adorável filha de 6 anos, Russell Green tem uma vida de dar inveja. Ele está tão certo de que essa paz reinará para sempre que não percebe quando a situação começa a sair dos trilhos.
Em quest√£o de meses, Russ perde o emprego e a confian√ßa da esposa, que se afasta dele e se v√™ obrigada a voltar a trabalhar. Precisando lutar para se adaptar a uma nova realidade, ele se desdobra para cuidar da filhinha, London, e come√ßa a reinventar a vida profissional e afetiva – e a se abrir para antigas e novas emo√ß√Ķes.
Lançando-se nesse universo desconhecido, Russ embarca com London numa jornada ao mesmo tempo assustadora e gratificante, que testará suas habilidades e seu equilíbrio emocional além do que ele poderia ter imaginado.
Em Dois a dois, Nicholas Sparks conta a história de um homem que precisa se redescobrir e buscar qualidades que nem desconfiava possuir para lutar pelo que é mais importante na vida: aqueles que amamos.


"Dois a dois" n√£o √© apenas um romance. √Č um livro que traz a hist√≥ria de um homem que se reergue em meio aos seus pr√≥prios destro√ßos e descobre aquele que se tornar√° o maior amor de sua vida: sua filha.


O protagonista desse romance √© Russell Green um funcion√°rio exemplar no ramo de marketing. Al√©m de sua excel√™ncia na √°rea profissional ele ainda √© um marido invej√°vel, rom√Ęntico, que se dedica da melhor forma poss√≠vel a sua amada esposa Vivian e a filha do casal, London. 

Apesar de ser um profissional qualificado, Russ sofre “persegui√ß√Ķes” na empresa que trabalha e, ao notar que mais cedo ou mais tarde seria demitido, ele decide que a melhor forma de se preparar para a demiss√£o √© realizar a proje√ß√£o de sua pr√≥pria empresa de marketing: A Ag√™ncia F√™nix!
Com as proje√ß√Ķes prontas e excelentes expectativas, Russ pede demiss√£o e come√ßa com seu projeto empreendedor. Por√©m, nem tudo ocorreu conforme esperado. Embora fosse capacitado no que fazia, ele enfrentou diversos problemas com o in√≠cio de sua empresa o que "obrigou" sua esposa Vivian a procurar um emprego enquanto ele tentava alavancar sua empresa e cuidar da pequena filha de 6 anos.

Vivian é uma mulher egoísta e ignorante que vive em função de culpar Russ por qualquer problema que eles enfrentam, mesmo que ele se desdobre em dois para ser o melhor marido e pai possível.

Al√©m dos problemas financeiros que ele vem enfrentando, a culpa come√ßa a percorrer seus pensamentos e dia ap√≥s dia a vida de Russ se desestrutura ainda mais. 
A √ļnica coisa que ele tem certeza √© que, aconte√ßa o que for, nada o separar√° de sua pequena London... 

" — Te amo, filha — sussurei.
— Tamb√©m te amo, papai — balbuciou ela, e sa√≠ do quarto sem fazer barulho.
Dois a dois, pensei enquanto descia a escada. London e eu, pai e filha, ambos fazendo o melhor que podíamos."

√Č um livro que realmente me emocionou. A hist√≥ria √© narrada em primeira pessoa pelo protagonista, Russ, que em minha opini√£o torna o contexto mais real, com mais sentimento por se tratar de narrativa em primeira pessoa.
Nos inícios dos capítulos, Russ recorda momentos memoráveis de sua vida e em seguida narra os momentos atuais, seus amores, expectativas e desafios. Ao longo da história eu me apeguei profundamente ao protagonista, imaginando todas suas dificuldades e sua força de vontade em vencer.

Al√©m de Russ, London tamb√©m √© uma personagem ador√°vel. Ela traz todas as caracter√≠sticas de uma crian√ßa, desde as birras at√© o sorriso f√°cil, o que a torna ainda mais cativante. Em contrapartida, Vivian √© est√ļpida, cada vez que eu lia o nome dela me imaginava gritando com ela e repetindo o quanto ela era idiota de tomar suas atitudes de forma t√£o idiota.

Os personagens secundários também são bem construídos e tem um destaque fundamental para o desenrolar da história. Entre esses personagens, podemos destarcar Marge, a irmã de Russ. Ela é simplesmente cativante e reflexo de irmã que é implicante, preocupada e amorosa, tudo ao mesmo tempo.

"Minha irm√£, a contadora, sempre tinha um plano, principalmente para aqueles que amava."

A diagramação do livro é simples, com pequenos desenhos de borboletas no início e na divisão dos capítulos. A capa é uma das minhas favoritas do autor. Afinal, na minha perspectiva, ela retrata a inocência de uma criança e o amor verdadeiro de um pai.

Infelizmente, alguns irão julgar o livro como "estilo Nicholas Sparks" sem muitas novidades no contexto da história, seguindo seu padrão de sempre. Porém, creio que os fãs de carteirinha não esperavam nada diferente.

Por fim (mas n√£o menos importante) eu super recomendo a leitura. Apesar de ser um livro que pode ser considerado extenso com suas 501 p√°ginas, a hist√≥ria √© envolvente e creio que em momento nenhum se sentir√° cansado diante dessas p√°ginas recheadas de amor, dificuldades e supera√ß√Ķes.

Nota:




Um super beijo e até a próxima!
0 coment√°rios via Blogger
coment√°rios via Facebook

Nenhum coment√°rio